Dhiego Lessa: o arquiteto de sonhos

Dhiego Lessa - produtor e lighting designer
Dhiego Lessa – produtor e lighting designer

Como dizia o mestre Walt Disney : “Você pode sonhar, criar, desenhar e construir o lugar mais maravilhoso do mundo. Mas é necessário ter pessoas para transformar seu sonho em realidade” e assim será o momento dos seus 15 anos. Você irá precisar de alguém que sinta, pense, imagine e crie o seu momento exatamente como sonhou.

Nosso portal tem o prazer de apresentar e mostrar um pouco mais do conhecimento e sensibilidade do produtor de eventos e lighting designer Dhiego Lessa, que a partir desta edição será um colunista fixo na Debutantes de Minas. Onde dará dicas, ideias e sugestões para ajudar a desvendar os segredos de uma perfeita festa de 15 anos.

Há exatos 15 anos Dhiego Lessa tem vivenciado o mundo dos eventos e suas particularidades, e tem um dom diferenciado na hora de elaborar e personalizar uma festa. Como ele mesmo define: “fazer um evento, é mais que determinar e executar. É viver, sentir, e se encantar”. E é assim que este verdadeiro arquiteto de sonhos encara cada evento com que se envolve, fazendo com que esse amor pelo seu trabalho torne a festa um momento único e inesquecível. Fizemos a Dhiego algumas perguntas sobre dúvidas frequentes de como organizar uma festa e pedimos que ele nos desse um esclarecimento profissional e pessoal sobre alguns assuntos relacionados ao tema.

Acompanhem a entrevista:

DM (Debutantes de Minas) – Você define as emoções de uma festa perfeita através das sensações que podem ser causadas nas pessoas. Como criar estas emoções?

DL (Dhiego Lessa) – Usando cada elemento para ressaltar um sentindo, na escolha do cardápio do buffet que aguce os paladares mais exigentes, passando por uma trilha sonora que seja envolvente em vários momentos da festa, como a valsa e, ainda, com os mais diversos tipos de efeitos visuais que estimulem e despertem em todos essas sensações.

DM – Como produtor de eventos, como você avalia atualmente o mercado mineiro?

DL – Minas é referência nacional no cenário de eventos, temos aqui algumas das melhores festas do país e me arrisco a dizer do mundo. É importante valorizar isso. Aqui temos excelentes profissionais em diversas áreas o que nos propicia um leque de opções para atender a todos os bolsos e gostos.

DM – Qual acompanhamento você faz em uma festa de debutantes?

DL – Ao longo de todos os meus trabalhos procurei entender e repassar toda a personalidade das aniversariantes para as suas festas. Para isso participo ativamente de cada momento buscando assessorar o cliente de forma com que ele esteja seguro de cada decisão tomada. Seja na escolha dos convites ou das lembranças, para os convidados, o importante é que tudo tenha a sua essência.

DM – O perfil das debutantes tem mudado muito, saímos de uma fase princesa tradicional para uma totalmente contemporânea, que infelizmente perdeu um pouco da inocência e romantismo. É possível fugir das influências pesadas das letras sensuais de funks e fazer uma festa encantadora?

DL – Com certeza. O mais importante é entendermos a natureza da debutante. Toda menina tem seu lado meigo e romântico, só precisamos harmonizar isso a toda essa modernidade. Devemos fugir um pouco do que é tendência, mas não esquecer que estamos vivendo o agora.

DM – É fácil perceber que você faz seus eventos com empolgação, criatividade e simpatia. Acredita que seja necessário haver algo mais que o interesse profissional e financeiro para fazer um bom trabalho?

DL – Sim. Acima de tudo tem que existir o amor pelo que você faz, somente com ele é que realizamos por completo toda materialização de um sonho! O profissionalismo é necessário, mas sem o amor ele fará com que uma festa seja nada mais que um amontoado de fornecedores sem regência.

DM – Quais seriam as regras básicas para fazer uma festa perfeita?

DL – Em primeiro lugar planejamento orçamentário, onde pode-se direcionar quanto e com o que gastar. Em segundo resolver tudo com antecedência para que se obtenha os melhores serviços e condições de negócio. Para isso aconselho antes mesmo de começar a planejar, ter em mente um valor final de gastos, o budget do evento, que funciona como um norteador da festa. É importante ressaltar que essas duas regras de nada adiantam sem criatividade e a coordenação certa.

DM – Com quanto tempo de antecedência devemos começar a organizar uma festa de debutantes?

DL – O ideal é que comece com no mínimo 1 ano de antecedência, mas o planejamento orçamentário deve ser feito com pelo menos um ano e meio. É claro que algumas pessoas deixam para depois, mas não acho uma escolha muito saudável, pois num processo como esse onde existe investimento alto. O fator tempo sempre deverá ser considerado.

DM – Festas temáticas são reflexos das vivências e gostos pessoais das debutantes. Mas quando não temática, como uma menina pode retratar-se em uma festa?

DL – Através de momentos que possam demonstrar traços marcantes de sua personalidade como delicadeza, atitude e para isso, temos diversos mecanismos onde podemos expressá-los, desde a escolha da decoração, até as atrações que estarão na festa, passando inclusive e principalmente pelo momento da valsa.

DM – Com sua formação jurídica, acredita que possa contribuir na contratação dos profissionais da festa de uma forma mais segura e eficaz para o cliente?

DL – Sem sombra de dúvidas. Num mundo como o atual é muito importante estarmos seguros nos negócios, principalmente na assinatura de contratos. Procuro usar minha formação para melhor adequar e equilibrar
a relação entre os fornecedores e o cliente. Hoje, fazer um evento implica em muitas responsabilidades e não se pode entrar neste mercado sem uma assessoria adequada.

DM – A partir de agora você estará como colunista fixo em nosso Portal e Revista Debutantes de Minas, o que as meninas e pais podem esperar de sugestões e orientações?

DL – Antes de mais nada eu queria dizer que foi com muito orgulho e satisfação que recebi e aceitei este convite, pois amo o que faço e será um grande prazer compartilhar todo meu conhecimento com vocês. Abordarei a cada edição os mais variados temas e serviços de uma festa, e no portal vou dar algumas dicas das tendências de mercado e como fazer para acertar na escolha dos detalhes. Quero manter um canal aberto com vocês, para isso envie sua pergunta para contato@dhiegolessa.com e coloque no assunto Debutantes de Minas que vou selecionar algumas para responder todo mês no blog.

DM – Além de produtor de eventos e cerimonialista você desenvolve um projeto ao qual chama de light designer, explique a nossos leitores como funcionam esses projetos.

DL – O light designer é um projeto voltado para aplicação da luz de maneira consciente, podendo ser usado unicamente como meio artístico quando aplicado nos eventos ou também na arquitetura de espaços para melhorar, demarcar ou destacar ambientes. Trata-se de uma ciência onde é necessário não somente conhecimento técnico, mas acima de tudo ter sensibilidade pelas artes e o gosto pela arquitetura. Seu resultado é a estética que agrada e encanta. Não possui fórmula certa, deve ser trabalhado de maneira personalizada e individual e pode misturar mais de um elemento, o que além de aumentar o poder de impacto, diferencia qualquer festa. Venho realizando este trabalho há três anos, depois de perceber uma carência no mercado, não somente pela falta de profissionais, mas principalmente pelo fato de ser uma arte o que dificulta o processo. Uso basicamente luzes, sons e efeitos visuais de forma que criem diferentes sensações num mesmo ambiente. Acredito que com estes três elementos operados de maneira correta é possível alcançar resultados surpreendentes.

DM – Em relação as boates que sempre são destaque em suas festas, qual seria o seu diferencial?

DL – Além da aplicação dos projetos de Light Designer, o desenho de painéis de led personalizados associados a uma cenografia de palco, que acabaram por se tornar minha marca registrada.

DM – Obrigado. Seja bem vindo ao Maravilhoso Mundo das Debutantes!